JavaScript is disabled!
To display this content, you need a JavaScript capable browser.

Ver Todos
Ver Todos

Ver Todos
Diocese da Guarda
http://www.diocesedaguarda.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/705566Vale_de_Estrela___Pinturas_005.jpglink
http://www.diocesedaguarda.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/744580SE_Guarda_2014.JPGlink
http://www.diocesedaguarda.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/215706logo_san_benito_portugues_01.pnglink
http://www.diocesedaguarda.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/159610Canoniza____o_JP.jpglink

Mensagem de D. Manuel Felício, Bispo da Guarda Vamos celebrar, na Semana Santa, o Tríduo Pascal, como sendo um único dia prolongado (de sexta-feira a domingo) que nos convida a mergulhar

Ver Mais

Bodas de Ouro sacerdotais Este ano, na Diocese da Guarda, celebram bodas de ouro sacerdotais, os Padres Américo da Encarnação Vaz e José Hipólito Jerónimo. O Padre Américo da Encarnação Vaz,

Ver Mais

Comemorações começam hoje Hoje, dia 24 de Abril, as Irmãs Hospitaleiras da Casa de Saúde Bento Menni estão em festa para assinalar a abertura das comemorações do primeiro Centenário da morte

Ver Mais

Dia 27 de Abril, no Vaticano Karol Jozef Wojtyla, eleito Papa a 16 de Outubro de 1978, nasceu em Wadowice (Polónia), a 18 de Maio de 1920, e morreu no Vaticano,

Ver Mais

“Vamos viver a Páscoa para celebrar a alegria de Cristo Ressuscitado”

Mensagem de D. Manuel Felício, Bispo da Guarda Vamos celebrar, na Semana Santa, o Tríduo Pascal, como sendo um único dia prolongado (de sexta-feira a domingo) que nos convida a mergulhar no Mistério da Morte e da Ressurreição de Cristo, nosso Redentor.
O Domingo de Ramos inaugura a Semana Santa, que celebra o acontecimento maior da salvação que Deus oferece a toda a Humanidade – a Morte e a Ressurreição de Cristo. Dentro desta Semana, a Quinta-Feira Santa abre com a Missa Crismal, da parte da manhã, em que o Presbitério se reúne, sob presidência do Bispo Diocesano e, juntamente com o Povo de Deus, dá graças pelo dom que Jesus Cristo fez do Ministério sacerdotal à Igreja e também porque nos convidou a nós sacerdotes para fazermos parte desse dom desde o dia da nossa Ordenação Sacerdotal. Queremos que esta acção de graças seja especialmente pelos sacerdotes do nosso Presbitério que cumprem este ano respectivamente 70, 60 e 50 anos de vida sacerdotal. A renovação dos nossos compromissos sacerdotais é momento alto não só para nós sacerdotes, mas também para o Povo de Deus que nos está confiado. A comemoração da Última Ceia e da Instituição da Eucaristia, na tarde da mesma Quinta-Feira, a comemoração da morte de Cristo na Sexta-Feira Santa e o dia de silêncio representado pelo Sábado Santo são momentos altos de contemplação do Mistério da Morte Redentora de Cristo. O momento mais solene é a Vigília Pascal, em que renovamos as nossas promessas baptismais e cantaremos a alegria da vida nova em Cristo Ressuscitado. A oitava da Páscoa e a cinquentena pascal vão prolongar o tempo festivo em que procuraremos deixar-nos envolver e transformar pela novidade da Ressurreição de Cristo. Todos somos convidados a viver intensamente a Páscoa que se aproxima. +Manuel R. Felício, Bispo da Guarda

Jubileus sacerdotais

Bodas de Ouro sacerdotais Este ano, na Diocese da Guarda, celebram bodas de ouro sacerdotais, os Padres Américo da Encarnação Vaz e José Hipólito Jerónimo. O Padre Américo da Encarnação Vaz, natural de Souto da Casa, frequentou os seminários diocesanos de 1951 a 1964. Foi ordenado em 14 de Março de 1964 por D. Policarpo da Costa Vaz. Começou a sua actividade pastoral como coadjutor de Pinhel. De 1965 a 1970 paroquiou Cortiçô da Serra e Vila Boa do Mondego, no arciprestado de Celorico da Beira.
Em 1970 foi transferido para o arciprestado de Alpedrinha, onde paroquiou Atalaia do Campo e Póvoa da Atalaia. Em 1985 foi chamado para professor do Seminário do Fundão e pouco depois nomeado Pároco das Paróquias de Donas, Valverde e Alcongosta, funções que hoje exerce. O Padre José Hipólito Jerónimo, natural de S. Vicente da Beira, iniciou a formação sacerdotal no Seminário do Tortosendo, prolongou-a na Alemanha e nos Estados Unidos, tendo sido ordenado para a Congregação dos Missionários do Verbo Divino. Passou largos anos ao serviço do Seminário de Tortosendo, onde desempenhou funções de Reitor e onde ainda hoje reside. Apesar de pertencer à Congregação dos Missionários do Verbo Divino, está profundamente ligado á Diocese da Guarda, quer por ser dela natural, quer porque grande parte do seu tempo de vida sacerdotal foi passado em ligação com o Seminário do Verbo Divino, no Tortosendo. 60 anos de vida sacerdotal Os Padres João Pires Madeira e Eduardo das Neves Ferreira foram ordenados há 60 anos. O Padre João Pires Madeira, natural de Avelãs de Ambom, depois de frequentar os seminários diocesanos, de 1941 a 1954, foi ordenado em 17 de Abril de de 1954, faz hoje exactamente 60 anos, por D. Domingos da Silva Gonçalves, na capela do Seminário Maior da Guarda. Nesse mesmo ano foi nomeado pároco de Guilheiro e Sebadelhe, funções que acumulou posteriormente com as do mesmo serviço paroquial no Terrenho e na Torre do Terre¬nho. Nessas funções se manteve ininterruptamente até ao ano passado, quando foi dispensado de responsabilidades paroquiais. O Padre Eduardo das Neves Ferreira, natural de Malpartida, frequentou os seminários diocesanos de 1941 a 1954 e foi ordenado na Sé da Guarda por D. Domingos da Silva Gonçalves, em 11 de Julho de 1954. Começou o seu ministério pastoral como Pároco de Velosa e Açores, no arciprestado de Celorico da Beira. A partir de 1961 passou a trabalhar no arciprestado de Almeida, sendo Pároco de Malpartida e de Vale da Mula. Posteriormente estendeu o seu serviço sacerdotal a outras paróquias do mesmo arciprestado, como Azinhal, Valverde e Vale da Coelha. Também foi pároco durante algum tempo de paróquias do vizinho arciprestado de Figueira de Castelo Rodrigo, nomeadamente Vermiosa, Reigada, Cinco Vilas e Vilar de Turpim. Desde 2010 está dispensado de responsabilidades paroquiais. 70 anos de vida sacerdotal Os Padres Carlos Martins e Mário Bizarro da Nave, da Diocese da Guarda, fazem, este ano, 70 anos de ordenação sacerdotal. O Padre Carlos Martins, natural de Fóios, foi ordenado sacerdote por D. João de Oliveira Matos, no dia 3 de Setembro de 1944, depois de frequentar os seminários diocesanos, de 1931 a 1942. Trabalhou pastoralmente sempre no arciprestado do Sabugal, servindo as paróquias de Vale de Espinho e Fóios, depois Penalobo, Lomba e Pousafoles do Bispo. Foi dispensado do serviço paroquial no ano 2000. O Padre Mário Bizarro da Nave, natural do Teixoso, foi ordenado sacerdote em 4 de Setembro de 1944, na capela do Paço Episcopal por D. José Matoso. Até 1959 serviu as paróquias de Folgosinho e Freixo da Serra, no arciprestado de Gouveia e depois as de Freineda e Castelo Bom, no arciprestado de Almeida. Desde 1959 até hoje mantém-se Pároco do Peso, no arciprestado da Covilhã.

Casa de Saúde Bento Menni celebra 20 anos de presença na Guarda

Comemorações começam hoje Hoje, dia 24 de Abril, as Irmãs Hospitaleiras da Casa de Saúde Bento Menni estão em festa para assinalar a abertura das comemorações do primeiro Centenário da morte de S. Bento Menni e o 20º aniversário da Casa de Saúde Bento Menni.
No programa, que começa com a Celebração da Eucaristia, presidida por D. Manuel Felício, a comunidade da Casa de Saude da Guarda une-se “a toda a Congregação representada em Dinan - França, onde faleceu S. Bento Menni, para com todos louvarmos e bendizermos o Senhor pelo dom de Bento Menni à Igreja e ao mundo”. Isabel Morado, Superiora da Casa de Saúde Bento Menni, explicou ao jornal A GUARDA que “ao longo do ano comemorativo, 24 de Abril 2014 - 24 de Abril 2015, haverá as seguintes iniciativas: 24 de Abril - Abertura das Comemorações; 31 de maio – Conferência: Ícones de Hospitalidade; 18 de Junho - Peregrinação hospitaleira a Fátima; Setembro a Dezembro - Concurso escolar meniano; 6 a 10 de Outubro - II Semana Aberta; 21 de Dezembro - Festa das Famílias: Encerramento do 20º aniversário da Casa de Saúde Bento Menni; 2015 - 7 de Abril - Marcha pela Saúde Mental; 24 de Abril - Encerramento do Centenário de S. Bento Menni. Isabel Morgado está convicta que “o espírito que animou S. Bento Menni na realização da missão hospitaleira, como restaurador da Ordem de S. João de Deus e fundador da Congregação de Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, continua actual”. E acrescenta: “Hoje o mundo do sofrimento clama por Hospitalidade; continua a ecoar a necessidade de corações sem fronteiras que amem ao jeito do Bom Samaritano, como S. Bento Menni”. Sobre a Casa da Guarda, a Superiora adiantou que a principal razão da sua criação foi “a expansão do carisma hospitaleiro”. E acrescentou: “Trazer a estas paragens do ‘interior’ a boa nova da hospitalidade – o cuidado e a atenção integral às pessoas em sofrimento psíquico. No fundo, encontrar-se com o filão hospitaleiro aberto por S. Bento Menni. Ele andou por aqui, fundou um abrigo-colégio na Aldeia da Ponte, em 1892, e muitas hospitaleiras são oriundas desta região”. A Casa, por onde já passaram quatro superioras (Ir. Anália Oliveira, Ir. Maria Preciosa Silvério, Ir. Alice Conceição Roseiro e Ir. Lúcia Reduto”, conta com uma centena de colaboradores, oito irmãs e 810 doentes assistidas. A lotação actual do centro é 168 lugares para internamento. Em relação a projectos para o futuro, Isabel Reduto tem os seguintes projectos: “dinamizar a área de ambulatório: Consulta externa de psiquiatria e psicologia clínica; Divulgação e implementação de programas de intervenção terapêutica: para pessoas idosas (estimulação cognitiva); e/ou pessoas com deficiência intelectual (estimulação sensorial) de modo a potenciarmos os recursos existentes (Sala Snoezelen e outros); Adaptação de estruturas físicas para internamento de doentes mentais (senhores); Criação, em parceria com outras entidades, de uma Unidade Sócio-ocupacional”.

João Paulo II é canonizado no Domingo da Divina Misericórdia

Dia 27 de Abril, no Vaticano Karol Jozef Wojtyla, eleito Papa a 16 de Outubro de 1978, nasceu em Wadowice (Polónia), a 18 de Maio de 1920, e morreu no Vaticano, a 2 de Abril de 2005. Teve o terceiro maior pontificado documentado da história. Foi o único Papa eslavo e polaco até a sua morte, e o primeiro Papa não-italiano desde o neerlandês Papa Adriano VI em 1522.
João Paulo II foi aclamado como um dos líderes mais influentes do século XX. Entre os seus principais documentos, contam-se 14 encíclicas, 15 exortações apostólicas, 11 constituições apostólicas e 45 cartas apostólicas. Teve um papel fundamental para o fim do comunismo na Polónia e talvez em toda a Europa. Promoveu o diálogo da Igreja Católica com o judaísmo, Islão, Ortodoxos, religiões orientais e Anglicanos. Expressava-se em italiano, francês, alemão, inglês, espanhol, português, ucraniano, russo, servo-croata, esperanto, grego clássico e latim, além do polaco, sua língua materna. Beatificou 1340 pessoas e canonizou 483 santos. Realizou 104 viagens internacionais, incluindo três visitas a Portugal, em 1982, 1991 e 2000. Em 2 de Abril de 2005, faleceu devido a sua saúde débil e o agravamento da doença de Parkinson. Em 19 de Dezembro de 2009 João Paulo II foi proclamado "Venerável" pelo seu sucessor, o Papa Bento XVI. Foi proclamado Beato em 1 de Maio de 2011 pelo Papa Bento XVI na Praça de São Pedro no Vaticano. A canonização está marcada para o próximo Domingo, 27 de Abril. Milagre cura mulher na Costa Rica O milagre atribuível à intercessão do beato, e que conduziu à canonização, foi aprovado pelo Papa Francisco a 5 de Julho de 2013. O milagre diz respeito à cura de uma mulher da Costa Rica, Floribhet Mora, que teve lugar na tarde de 1 de Maio de 2011, dia em que o Papa polaco foi proclamado beato por Bento XVI na Praça de São Pedro. “A mulher, afectada por uma grave lesão cerebral, rezou a João Paulo II e foi curada. Graças à intercessão do beato, toda a família desta mulher reencontrou a fé: quase um duplo milagre”, refere o site oficial da causa de canonização. O secretário particular do Papa polaco, cardeal Stanislaw Dziwisz, disse à Rádio Vaticano que a vida de João Paulo II “marcou a história” e que todos os que conviveram com ele têm a convicção de ter vivido com “um homem santo”. “Toda a sua vida, do início ao fim, esteve unida ao mistério da divina misericórdia. Desse modo, ofereceu-nos o programa para este milénio: a divina misericórdia. O mundo não terá paz se não recorrer a ela”, observou o actual arcebispo de Cracóvia.

Galeria Multimédia

JavaScript is disabled!
To display this content, you need a JavaScript capable browser.

Ver Todos
Ver Todos

Ver Todos

Receba a nossa newsletter:


Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

João XXIII é recordado como o “Papa bom”

O Papa que convocou o Concílio Vaticano II Angelo Giuseppe Roncalli, que viria a ser o Papa João XXIII, nasceu em Sotto Il Monte, a 25 de Novembro de 1881, e morreu no Vaticano, 3 de Junho de 1963. Foi eleito Papa a 28 de Outubro de 1958. Pertencia à Ordem Franciscana Secular (OFS) e escolheu como lema papal: Obediência e Paz. Como sacerdote, foi secretário particular do bispo de Bérgamo D. Giacomo Radini-Tedeschi (1905-1914), professor do Seminário de Bérgamo e estudioso da vida e obra de São Carlos Borromeu, capelão militar do Exército italiano durante a Primeira Guerra Mundial e presidente italiano do "Conselho das Obras Pontifícias para a Propagação da Fé" (1921-1925).

continuar a ler...

João Paulo II é canonizado no Domingo da Divina Misericórdia

Dia 27 de Abril, no Vaticano Karol Jozef Wojtyla, eleito Papa a 16 de Outubro de 1978, nasceu em Wadowice (Polónia), a 18 de Maio de 1920, e morreu no Vaticano, a 2 de Abril de 2005. Teve o terceiro maior pontificado documentado da história. Foi o único Papa eslavo e polaco até a sua morte, e o primeiro Papa não-italiano desde o neerlandês Papa Adriano VI em 1522.

continuar a ler...

Casa de Saúde Bento Menni celebra aniversário

Guarda A Casa de Saúde Bento Menni, na Guarda, está em festa, no dia 24 de Abril, para assinalar a abertura do primeiro Centenário da morte de S. Bento Menni e o 20º aniversário da Casa de Saúde Bento Menni.

continuar a ler...
Consultar Arquivo de Notícias